Para Onde o Vento Me Levar... Vou VOANDO...
Quarta-feira, 7 de Março de 2007
Perdidos em Bucareste!

O título diz tudo, então porque me estou a dar ao trabalho de escrever?!?!

Simples: só o título não tem piada!

No primeiro de Março, para além de ser o primeiro dia do Martisor, também foi o penúltimo dia do André, estudante de erasmus, em Bucareste e nós fizemos um jantareco de despedida. Um jantar multi-cultural, com romenos, franceses, italianos, um espanhol e nós, os tugas.

Ponto de encontro com o Pratas, estudante de erasmus tuga, com o Charlie, estudante de erasmus francês (acabadinho de chegar a este país) e o Zé, c10, foi na Magheru, uma das principais avenidas de Bucareste...

Enquanto caminhávamos para a praça de táxis mais próxima descobri que para um francês é extremamente difícil dizer Pratas, sai sempre um Prrrrrratas, que nos dá imensa vontade de rir. E quando chegámos à praça de táxis descobrimos que ninguém nos queria levar ao restaurante por ser "demasiado perto", o Pratas vira-se e diz "o restaurante é aqui perto vamos a pé" e todos concordámos.

Íamos na conversa, confiantes no sentido de orientação do Pratas, apesar de não saber o nome da rua devo frisar que me encontrei e consegui orientar de regresso a casa, estava mesmo orgulhosa de mim, o chato foi a palminha ter-se movimentado na bota e eu ter feito uma bolha no calcanhar!

Bem, o certo é que afinal o Pratas não sabia exactamente onde ficava a rua e o ponto de referência dado pelo André, era tudo menos perto do restaurante . Saco do meu mapa maravilha (sim porque o meu mapa maravilha está sempre dentro da mala não vá precisar) e tentamos encontrar o local onde estamos à luz fraca dos candeeiros de ruas.

Nu stiu! (lê-se nu chtiu) diz o Pratas... mau, ele não sabia, eu não sabia, ninguém sabia... hora de começar a perguntar às pessoas que passavam na rua, mais uma vez o Pratas pratica o seu romeno e vai pedindo informações.

Bem, lá chegamos a um ponto facilmente identificável no mapa, paramos e perguntamos a um romeno, que estava ao lado do seu carro, onde fica a dita rua (cujo nome já não me lembro) e o dito restaurante, que afinal era Húngaro e não Romeno como inicialmente estava previsto. Eles olham para o mapa, apontam para várias ruas, até que parece existir um trajecto possível. FIXE!

Eis senão quando o romeno diz que nos leva lá dentro do seu carro, não damos trabalho nenhum e ele não se importa... O carro já era bem velhinho e encontrei desde garrafas a papéis no banco de trás, mas o meu grande espanto dá-se quando olho para a tampa da bagageira e vejo duas colunas potentes instaladas... dá-me uma vontade de rir enorme.

Lá partimos em busca da rua e do restaurante, o Pratas como co-piloto de mapa na mão, eu, o Zé e o Charlie no banco de trás. Demos não sei quantas voltas com o André a telefonar e a dizer que dai a 1h fechavam a cozinha e finalmente achámos o restaurante!

Saimos, agradecemos muito ao romeno e entrámos (para descobrir que afinal não eramos os últimos ).

O jantar correu bem, multilingue, com vinho romeno e salmão grelhado e muitas gargalhadas.

Depois de tudo uma pessoa pensa que não vamos ter mais surpresas nessa noite... Errado, saimos do restaurante e encaminhamo-nos para o Salsa, uma disco que só passa... adivinhem?!!?... Salsa; e descobrimos que quando parámos perto do romeno que nos deu boleia estávamos muito perto do restaurante e acabámos por andar às voltinhas em Bucareste.

Só para terminar, quando estávamos na conversa a observar os parzinhos a dançar salsa avistámos o que só podia ser a prima ou a irmã perdida da Lili Caneças... enrugadinha, vestida à vamp, loira platinada e com os olhos pintados de preto com tal intensidade que era a primeira coisa que se via quando se olhava para o local onde estava a dançar.


Clica-me: , ,

Sangrado por Vlada às 15:15
link do post | Morde! | favorito

Sobre Vlada
To put meaning in one's life may end in madness,
But life without meaning is the torture Of restlessness and vague desire - It is a boat longing for the sea and yet afraid. By Edgar Lee Masters
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Soft Moments
free music
moonlight...
CURRENT MOON
Últimos escritos

to all my readers and vie...

Em Espírito Natalício

Crazy Loop

Segunda-feira de Manhã no...

Citadela Medieval de Raşn...

1 de Decembrie

Castelul Bran

Living in the dark

Perspectivas...

Overheard!

Uma Gota de Chuva na Cara

With the sun in the tip o...

Riddles... part II

It's raining Cats and Dog...

Centro de Língua Portugue...

Finalmente...

Notas Dietéticas

Wristcutters - a Love Sto...

Discussões Botânicas

Dança das Estrelas

Riddles...

frase de segunda-feira

Não faças um rascunho da vida,
podes não ter tempo de a passar a limpo...
On my MP3
Pergaminhos

Outubro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

In my movie box
Rain, Snow or Sun?!?
WeatherReports.com
How many Eyes?
   
For my Friends...
To Suhl
Clica-me

todas as tags

Mordidelas Interessantes
procuras algo?
 
subscrever feeds